Mercados de usados, brechós e swap parties: um hábito que chegou para ficar?

Pelo que temos lido na mídia, a brasileira está cada vez menos preconceituosa em relação ao conceito REUSAR! Roupas de marcas famosas ganham status de investimento e, enquanto estão em “estado de novas”,  passam por diversas donas.

O MiLy1Idéias gostaria de saber sua opinião a respeito. Você compraria em um BRECHÓ, ou qualquer outro conceito de mercado de itens usados?

Anúncios

4 pensamentos sobre “Mercados de usados, brechós e swap parties: um hábito que chegou para ficar?

  1. Legal Milene!

    O mais difícil nessas horas é a paciência pois não basta ser legal, tem que ser do seu tamanho!

    Na empresa do meu marido eles têm feito swap parties de roupas e acessórios entre as meninas e agora estão incluindo CDs, livros etc para os meninos também poderem participar.

    • Valeu Ana!
      depois conta ‘pra gente como estão indo as swap parties! Em breve o MiLy1Idéias estará patrocinando um evento similar para leitoras de São Paulo! Aguarde a convocação! Beijocas!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s